compartilhe

Atenção: começou a campanha de vacinação contra gripe 2018! Crianças são prioridade!

Publicado em 23/04/18

Atenção! A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe começa HOJE, 23 de abril, e vai até 1° de junho. O Ministério da Saúde informou que a vacina que será fornecida gratuitamente nos postos de saúde vai proteger contra três subtipos do vírus da gripe: H1N1, H3N2 e Influenza B.

São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias, que receberão a vacina gratuitamente nos postos de saúde:

  • pessoas a partir de 60 anos
  • crianças de seis meses a menores de cinco anos
  • trabalhadores de saúde
  • professores das redes pública e privada
  • povos indígenas
  • gestantes
  • puérperas (até 45 dias após o parto)
  • pessoas privadas de liberdade – o que inclui adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas)
  • funcionários do sistema prisional

Confira as etapas e programe-se!

  • Etapa 1: a partir do dia 23 de abril, para trabalhadores de saúde, pessoas com idade de 60 anos e indígenas;
  • Etapa 2: a partir de 2 de maio, para crianças com idade maior que 9 meses e menor que 5 anos, gestantes, puérperas com até 45 dias após o parto;
  • Etapa 3: a partir de 9 de maio, para pacientes diagnosticados com doenças crônicas, professores, e outros.

Quem não faz parte do grupo de risco pode tomar a vacina nas clínicas particulares, onde a dose já está disponível e custa de R$100 a 150 por pessoa, em média.

Lembrando que assim que a campanha acabar, a vacina fica disponível pra toda e qualquer pessoa que queira se vacinar, basta ir ao posto de saúde e pedir para ser vacinado, independente de critérios.

Os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais também devem se vacinar. Este público deve apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) deverão se dirigir aos postos em que estão registrados para receberem a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.

Dia D será em 12 de maio

O objetivo é atuar no período de maior propagação do vírus: na transição entre o outono e o inverno. O Dia D, quando há maior mobilização para vacinação, está marcado para 12 de maio, quando os 65 mil postos de vacinação do País fazem uma grande operação para intensificar a vacinação. A campanha termina dia 1º de junho e não haverá prorrogação.

O Ministério da Saúde alerta para que as pessoas se vacinem dentro do prazo da campanha para evitar gripe e seus possíveis agravamentos. É preciso que todos estejam devidamente protegidos antes do inverno chegar, já que a vacina precisa de 15 dias para garantir a proteção.

A projeção do governo federal é que as vacinas estejam disponíveis em 65 mil postos do país. Em 2017, a cobertura foi de 87,7%.

A meta é vacinar 54 milhões de pessoas. Para tanto, foram adquiridas cerca de 60 milhões de vacinas, produzidas no Instituto Butantan. A expectativa é chegar a mais de 20 milhões de idosos, 12,6 milhões de crianças e 4,8 milhões trabalhadores na área de saúde. Só no estado de São Paulo fazem parte do grupo prioritário, 12,5 milhões de pessoas que devem receber a vacina gratuitamente.

Atenção especial às crianças

Uma preocupação especial dentro do público-alvo é com as crianças entre seis meses e 5 anos. No ano passado, apenas 77% das crianças foram vacinadas.

A imunização é contraindicada para pessoa com alergia a ovo, que devem procurar o médico para orientações. A reação em geral ocorre com dor no local da injeção, sem provocar efeitos colaterais maiores. De acordo com o ministério, não há risco de fazer a vacinação contra a febre amarela e Influenza.

Além da vacinação, são orientações para evitar o vírus lavar as mãos com frequência, usar lenço para a higiene do nariz, cobrir o rosto no momento do espirro, evitar compartilhar objetos de uso pessoal e tomar cuidado com o contato com pessoas que tenham adquirido o vírus.

No site da campanha tem uma parte sobre “Mitos e Verdades” sobre a vacina da gripe com as principais dúvidas da população, vale a pena conferir, clique aqui.

Fonte: Agência Brasil/ Ministério da Saúde

Galeria:
Quer receber mais notícias como essa? Cadastre-se e receba nossas novidades em seu e-mail!
Compartilhar:
BEBÊS

Saúde: nova vacina contra meningite será fornecida pelo SUS, mas ainda há dificuldades de produção

publicado em 23/04/2019
BEBÊS

Quem dorme menos? Brasil está em terceiro lugar no mundo, perdendo apenas para o Japão e Cingapura

publicado em 10/04/2019
BEBÊS

Verão requer cuidados com a pele das crianças

publicado em 10/04/2019
Atenção: Todas as informações são de responsabilidade dos organizadores do evento e estão sujeitas a modificações sem prévio aviso. As informações foram checadas pela equipe de reportagem do São Paulo para crianças em Janeiro de 2017. Antes de sair de casa, confirme os dados com o destino, para evitar imprevistos
Quer falar diretamente com seu público-alvo?
Anuncie aqui!
Nossos canais:
® São Paulo para Crianças é uma marca registrada. Todos os direitos reservados. - desenvolvido por Ideia74
Cadastre-se para ficar por dentro das novidades!