compartilhe

Segurança infantil: os aquecedores e as crianças

Por Edson Martinho - publicado em 16/06/2018

O frio está chegando em boa parte do Brasil, principalmente em São Paulo em que o frio vem acompanhado pela umidade. Para o melhor conforto de nossas crianças, usamos os aquecedores, aqueles dispositivos que compramos nas lojas e que levamos para casa e é só ligar na tomada para começar a deixar o ambiente quentinho, não é mesmo? Mas cuidado, pois é aí que mora um grande perigo!

O primeiro dos perigos está no próprio equipamento, que, dependendo da potência vem com uma tomada com os pinos mais grossos (potências acima de 1200 Watts em 127 Volts), estes pinos mais grossos não entram nas tomadas comuns, pois indicam que o equipamento requer um circuito mais “reforçado” para ligá-lo.

Isto porque as tomadas que são chamadas de “uso geral” são tomadas disponibilizadas na edificação para ligar equipamentos com potências baixas (200, 300 e até 500 Watts), como TV, computador, carregador de celular, entre outros. Já os aquecedores com potências acima de 1200 Watts precisam de tomadas que tenham os fios mais grossos (4mm2) e, por isso, as tomadas possuem “furos” mais grossos e compatíveis e, portanto, adequados a este tipo de equipamento.

Então para solucionar o primeiro caso, “NUNCA USE ADAPTADORES”, chame um profissional para ele substituir os fios e a tomada do circuito todo.

Se você optar pelo adaptador começa o segundo risco, pois com o uso dos adaptadores, haverá uma sobrecarga na tomada e esta sobrecarga iniciará um aquecimento dos fios, podendo gerar um ponto quente que inicia um incêndio.

Lembre-se, por exemplo, que no quarto do seu filho devem ‘habitar’ vários bichinhos de pelúcia que podem estar perto da tomada. Se o aquecimento ocorrer, eles pode ser o indutor do incêndio, então, repetindo o que eu falei anteriormente “NUNCA USE ADAPTADORES NAS TOMADAS”.

Por último, e não menos importante, está a sobrecarga com vários aquecedores. Devido ao frio, colocamos um aquecedor em cada quarto, outro na sala e até no banheiro. Cada aquecedor consumirá cerca de 1500 Watts, se houver 3 aquecedores ligados temos 4500 Watts.

Esta potência é equivalente a um chuveiro elétrico médio ligado. Imagine um banho com 8 horas (tempo médio que deixamos o aquecedor ligado), quanto isto vai custar na sua conta de energia elétrica?

Sem contar que a instalação elétrica pode não estar dimensionada para tal e aquecer, podendo danificar o isolamento e até iniciar um incêndio. Fique atento, com eletricidade não se brinca.

Mais informações sobre segurança nas instalações elétricas você encontra no site da Abracopel

Sobre Edson Martinho:
Edson Martinho é Engenheiro Eletricista, diretor-executivo da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade). Escreveu e publicou o livro “Distúrbios da Energia Elétrica” (Editora Érica, 2009)
Quer receber mais artigos como esse? Cadastre-se e receba nossas novidades em seu e-mail!
Sobre o Edson Martinho:
Edson Martinho é Engenheiro Eletricista, diretor-executivo da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade). Escreveu e publicou o livro “Distúrbios da Energia Elétrica” (Editora Érica, 2009)
Compartilhar:
Quer falar diretamente com seu público-alvo?
Anuncie aqui!
Nossos canais:
® São Paulo para Crianças é uma marca registrada. Todos os direitos reservados. - desenvolvido por Ideia74
Cadastre-se para ficar por dentro das novidades!