compartilhe
São Paulo
+16...+30° C

 Dicas para identificar riscos e manter seus filhos seguros nas brincadeiras no condomínio

Por Edson Martinho - publicado em 18/04/2017

Se você mora em condomínios, deve sempre existir uma preocupação a mais: as áreas comuns em que seus filhos brincam; áreas cuja manutenção é responsabilidade de outras pessoas, neste caso a administração. Playground, sala de jogos, quadra esportiva, salas de convivência, sala de ginástica e piscina, tudo à disposição dos moradores para oferecer um conforto a quem escolheu morar em um condomínio, seja vertical ou horizontal. Estes locais acabam sendo pontos de encontro de nossos filhos para brincar e trocarem experiências, mas podem esconder alguns riscos, sobretudo com a eletricidade. O primeiro é que em quase todos os locais de convivência, a eletricidade está presente, seja nas tomadas ou na iluminação ela sempre estará por lá e como já falei, a eletricidade é importante e imprescindível, mas oferece riscos que podem levar as pessoas a acidentes, incluindo óbitos. E as crianças, curiosas como são, podem ser as principais vítimas. Então vamos a algumas poucas dicas para identificar riscos e manter seus filhos seguros.

Locais internos como sala de jogos, salão de festas e sala de ginástica:

  • Observe se as tomadas estão todas com suas tampas em perfeito estado;
  • Observe se o quadro de disjuntores não possui partes energizadas expostas, ou seja, somente o pino do disjuntor está acessível;
  • Não utilize extensões, TE´s, Benjamins ou filtros de linhas para ligar equipamentos;
  • Verifique se os cabos de ligação dos equipamentos instalados estão em perfeito estado e não apresentam sinais de aquecimento.

Locais externos como quadras, jardins e piscinas:

  • Verifique se não há fios expostos e sem proteção, assim como as caixas de passagens e tomadas;
  • Verifique se não há fios próximos às partes metálicas, como grades e cercas, e que possam romper, energizando a parte metálica e colocando as pessoas em risco;
  • As cercas e partes metálicas devem estar aterradas (sistema de ligação à terra);
  • Verifique se há DR – Dispositivo Diferencial Residual, instalado no quadro, protegendo os circuitos destas áreas externas;

No caso de piscinas e áreas adjacentes, não se pode instalar tomadas com tensão acima de 12 volts e tampouco iluminações internas (iluminação de piscina) com tensão acima de 12V;

Verifique se há extensões ou filtros de linha instalados próximo à piscina. Se houver, remova-os imediatamente.

Busque um profissional qualificado e habilitado para fazer uma revisão na instalação elétrica da área comum e garanta que seus filhos estarão seguros.

 

 

Sobre Edson Martinho:
Engenheiro Eletricista, diretor-executivo da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade). Especialista em segurança com a eletricidade. Palestrante há mais de 15 anos sobre o tema. Escreveu e publicou o livro “Distúrbios da Energia Elétrica” (Editora Érica, 2009). Mais informações: edson@lambdaconsultoria.com.br.
Quer receber mais artigos como esse? Cadastre-se e receba nossas novidades em seu e-mail!
Sobre o Edson Martinho:
Engenheiro Eletricista, diretor-executivo da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade). Especialista em segurança com a eletricidade. Palestrante há mais de 15 anos sobre o tema. Escreveu e publicou o livro “Distúrbios da Energia Elétrica” (Editora Érica, 2009). Mais informações: edson@lambdaconsultoria.com.br.
Compartilhar:
Quer falar diretamente com seu público-alvo?
Anuncie aqui!
Nossos canais:
® São Paulo para Crianças é uma marca registrada. Todos os direitos reservados. - desenvolvido por Ideia74
Cadastre-se para ficar por dentro das novidades!