compartilhe
São Paulo
+16...+30° C

Alerta: acompanhamento oftalmológico desde o nascimento garante qualidade de vida de pessoas com Down

Por Hospital de Olhos Brasil (HOBrasil) - publicado em 20/03/2018

Crianças com Síndrome de Down têm maior tendência em desenvolver problemas de visão, dificuldade que acaba afetando o desenvolvimento no aprendizado e na interação. De acordo com Dra. Luciana Pinto, oftalmopediatra do Grupo Hospital de Olhos do Brasil (HOBrasil), de Itabuna (BA), os distúrbios mais comuns são estrabismo, miopia, blefarite (inflamação das margens das pálpebras), nistagmo (obstrução das vias lacrimais), ceratocone (se manifesta por astigmatismo elevado ou por diminuição da acuidade visual), além de catarata e glaucoma.

A médica explica que as doenças podem ocorrer em qualquer fase da vida, inclusive alguns bebês podem nascer com catarata e recomenda que, ao nascer, as crianças com Down devem passar por exames a cada seis meses, mesmo sem queixas de sintomas. “De modo geral, as dificuldades são para enxergar de longe e de perto, além das oscilações repetidas e involuntárias em um ou ambos os olhos.

De acordo com a especialista, muitas dessas patologias podem ser corrigidas com o uso de óculos e já existem modelos de armações especiais para pessoas com Síndrome de Down.


Síndrome de Down

A Síndrome de Down ou Trissomia do Cromossoma 21 é uma alteração genética caracterizada pela presença de um cromossomo extra nas células de um indivíduo. Tal condição causa problemas no desenvolvimento corporal e cognitivo, promovendo características físicas típicas e deficiência intelectual em diferentes graus. Tal condição na criança acontece, na maioria dos casos, por uma combinação aleatória de chances.

Sobre Hospital de Olhos Brasil (HOBrasil):
O Hospital de Olhos Brasil (HOBrasil) nasceu da associação de um grupo de médicos e o Fundo Pátria Investimentos. Atualmente, o grupo está formado pela associação do Instituto de Olhos Freitas, DayHORC e Clínica Villas (Bahia); Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB) e INOB (Distrito Federal); Hospital de Olhos Santa Luzia (Alagoas) e Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (Santa Catarina). Iniciadas suas operações em abril de 2016, hoje é o maior grupo da América Latina no segmento. Seu modelo associativo mantém o médico à frente do negócio, proporcionando possibilidades importantes para o futuro das clínicas em um cenário cada vez mais competitivo.
Quer receber mais artigos como esse? Cadastre-se e receba nossas novidades em seu e-mail!
Sobre o Hospital de Olhos Brasil (HOBrasil):
O Hospital de Olhos Brasil (HOBrasil) nasceu da associação de um grupo de médicos e o Fundo Pátria Investimentos. Atualmente, o grupo está formado pela associação do Instituto de Olhos Freitas, DayHORC e Clínica Villas (Bahia); Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB) e INOB (Distrito Federal); Hospital de Olhos Santa Luzia (Alagoas) e Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (Santa Catarina). Iniciadas suas operações em abril de 2016, hoje é o maior grupo da América Latina no segmento. Seu modelo associativo mantém o médico à frente do negócio, proporcionando possibilidades importantes para o futuro das clínicas em um cenário cada vez mais competitivo.
Compartilhar:
Quer falar diretamente com seu público-alvo?
Anuncie aqui!
Nossos canais:
® São Paulo para Crianças é uma marca registrada. Todos os direitos reservados. - desenvolvido por Ideia74
Cadastre-se para ficar por dentro das novidades!